A prática da ginástica nas aulas de Educação Física no Ensino Médio

  • Marilda Morais da Costa IELUSC
  • Elisângela da Rocha Associação BOM jesus IELUSC
  • Andreia Fernanda Moletta Associação BOM jesus IELUSC
  • Alisson Padrilha de Lima Faculdade Ielusc
Palavras-chave: Ginástica, Educação Física Escolar, Ensino Médio

Resumo

O presente estudo realizou-se com objetivo de discutir a prática da ginástica nas aulas de Educação Física no Ensino Médio como um dos conteúdos, destacando suas possibilidades e seus desafios na aplicação para prática especialmente ministrada para adolescentes, estabelecendo uma compreensão dos adolescentes do Ensino Médio quanto a prática da ginástica nas aulas de Educação Física como manifestação da cultura corporal relacionada à saúde e seus significados. A ginástica toma um caráter científico, colocando-se em igualdade com outras práticas sociais sistematizadas, e, assim, passando a ser inserido nos currículos escolares e se contrapondo com as práticas do uso do corpo como entretenimento (SOARES, 2005). A metodologia consiste em uma pesquisa de estudo pré-experimental, de caráter intervencionista, com abordagem qualitativa. O contexto de investigação foi realizado em uma Escola da Rede Estadual de Joinville-SC, quanto aos participantes investigados na pesquisa foi selecionada de forma aleatória uma das turmas do 3°ano do Ensino Médio, turno noturno com à amostra composta por 22 alunos, sendo 13 alunos do sexo masculino e 9 alunos do sexo feminino. Como instrumento para a coleta dos dados foi utilizado um questionário semi-estruturado com 5 perguntas abertas, aplicada no préteste e após à aplicação da intervenção o pós-teste. Foram realizadas 10 aulas práticas de intervenções com base em Thomas, Nelson e Silverman (2012). Esta pesquisa respeitou as normas do Conselho Nacional de Saúde 466/2012 e foi encaminhado ao Comitê de Ética em Pesquisa da Faculdade IELUSC, sendo aprovado pelo parecer n. 1.595.899/2016. Os resultados obtidos da aplicação do questionário foram analisados em forma de categorização das informações, para identificar dados semelhantes e divergentes investigados. Deste modo pode-se verificar com o questionário aplicado e com as aulas práticas que os alunos reconheceram e se interessaram pelas práticas da ginástica. E o nível de interesse e de conhecimento dos alunos quanto a prática da ginástica durante aplicação do programa aumentou, tendo uma resposta positiva neste estudo, conforme constatado nas análises descritas. Sendo assim, a ginástica não tem essa comparação de habilidades esportivas, através da realização deste projeto pode-se perceber que durante a sua aplicação foi visivel concluir que os alunos conseguem perceber à importância da ginástica e diferenciar a ginástica das outras modalidades esportivas e relação às outras práticas.  Destacaram ainda que há melhora em seu nível de stress. Verificou-se a partir da aplicação do projeto, uma maior compreensão do objetivo da Ginástica para os alunos do Ensino Médio, respeitando sempre à individualidade e as capacidades físicas de cada um, aumentando assim seu interesse em participar ativamente nas aulas de Educação Física. Pode-se concluir que o interesse pela ginástica entre os alunos do Ensino Médio foi bastante favorável, por isso, os professores de Educação Física devem agregar e ofertar este conteúdo em suas aulas.

Biografia do Autor

Elisângela da Rocha, Associação BOM jesus IELUSC

Egressa do curso de Educação Física Associação BOM jesus IELUSC.

Andreia Fernanda Moletta, Associação BOM jesus IELUSC

Docente do curso de Educação Física Associação BOM jesus IELUSC

Alisson Padrilha de Lima, Faculdade Ielusc

Docente do curso de Educação Física da Associação BOM jesus IELUSC

Publicado
2019-06-26