Um resgate histórico de personagens marcantes da enfermagem em Joinville: uma proposta de curricularização

  • Solange Abrocesi
  • Beatriz Schumacher
  • Arlene L. Ayalla
  • Vanessa Cardoso Pacheco
Palavras-chave: História. Enfermagem. Curricularização. Interdisciplinaridade. Métodos.

Resumo

A Enfermagem é uma profissão que ao longo do tempo vem construindo a sua história. A história da enfermagem possibilita conhecer o passado, compreender o presente e visualizar os desafios e perspectivas do futuro. O avanço da profissão precisa ser orientado através da compreensão e respeito pela Enfermagem como uma prática que possui uma história. Entender o passado da enfermagem e seu desenvolvimento é importante, pois possibilita o reconhecimento das origens da profissão e suas raízes histórico-culturais, e a promoção de competências na humanização do cuidado, o que é essencial para forjar uma sociedade mais justa (OGUISSO; CAMPOS, 2013). A Disciplina História de Enfermagem no Curso de Graduação em Enfermagem da Faculdade Ielusc, é desenvolvida no primeiro semestre com o objetivo de compreender a identidade da enfermagem e o seu desenvolvimento como profissão, nos seus múltiplos contextos, com seus diferentes personagens, ilustres ou anônimos. Todos os anos os alunos elaboram um seminário sobre personagens marcantes da enfermagem no Brasil, porém entendemos a necessidade de conhecer a história local, aplicando uma proposta de curricularização interdisciplinar nas disciplinas História da Enfermagem e Metodologia Científica I. Assim, este estudo tem como objetivo descrever a trajetória de personagens marcantes da enfermagem em Joinville. É um estudo descritivo desenvolvido a partir da implementação de uma proposta metodológica que tem como foco principal o resgate histórico da enfermagem no município de Joinville. Foi realizado em 3 etapas: Reconhecimento das enfermeiras que protagonizaram a construção da enfermagem em Joinville, Elaboração do roteiro de entrevista e Organização das informações para apresentação durante a 22ª Semana de Enfermagem do Curso de Graduação em Enfermagem da Faculdade Ieusc. Na ocasião as(os) enfermeiras(o) foram homenageadas. Esta proposta foi uma tentativa tímida de resgatar as personagens marcantes da enfermagem em Joinville. Permitiu conhecer quem são, o que pensam, como agem e, quais as perspectivas da trajetória das enfermeiras que fizeram história em Joinville, possibilitando aos alunos e professores a encontrar parte da identidade da enfermagem em Joinville. A organização desta atividade envolveu estudantes e professoras e representou um movimento interdisciplinar que partiu do diálogo, da parceria e colaboração. Entendemos a curricularização como um movimento interessante de colocar o currículo no centro da formação, favorecendo um diálogo entre os saberes, respeitando as especificidades das disciplinas. E que o trabalho em equipe, a flexibilidade, a criatividade e a comunicação são fundamentais para o sucesso da proposta interdisciplinar, que embasa o processo de ensino aprendizagem. Para a disciplina de História da Enfermagem a curricularização como ferramenta para o resgate histórico local é relevante, pois constitui uma fonte importante para a preservação da memória local, contribuindo para um método de ensino-aprendizagem potencialmente mais significativo para os acadêmicos em razão da proximidade destes com a realidade histórica do município.

Publicado
2019-06-26